Ícone do site Guia Casar Bem

Mensagem de reflexão sobre a páscoa

imagem sexta feira santa

A Páscoa é um momento muito sagrado para os cristãos. E seu significado é tão profundo e importante para a humanidade, que sua aura se mescla e se confunde mesmo com os rituais pagãos que precedem em centenas de anos a chegada de Cristo, mas que aconteciam no mesmo período de seu calvário e renascimento. E é desta fusão que nascem as tradições que marcam a Páscoa para nós.

De um lado, temos o período em que as secas que assolam a terra e trazem desesperança e desolação se encerra, e com a chegada de uma nova estação, os plantios vicejam e trazem o alimento tão necessário. É tempo de renovação e fertilidade.

Por outro lado, após a brutal morte e crucificação de Jesus, que suscitou a desesperança de seus seguidores, seu renascimento no terceiro dia promove a renovação da esperança perdida e da vida reconquistada.

Assim, todos os símbolos e ícones que representam a Páscoa como vivemos agora, na verdade traduzem os mesmos sentimentos: o da esperança após a derrota, do renascimento após a morte. E é isso que esta mensagem de reflexão sobre a Páscoa quer trazer para você hoje.

Pense bem: o período representa um tempo que se inicia caótico, repleto de mágoa e de raiva, um momento em que muita dor foi infligida. Marcado pelas incertezas, resultando em uma grande e incorrigível dor: a morte de Jesus Cristo, que foi seguida de seu sepultamento.

Mas então, após toda esta tormenta, vem, em fim, a ressurreição. Não é à toa que o ovo de Páscoa se tornou um dos mais fortes símbolos deste período do ano, pois além de rememorar a fertilidade celebrada pelos pagãos antes de Cristo, representa ainda a esperança de renascimento e dos recomeços em nossas vidas. É um lembrete de que os tempos ruins, por mais difíceis que sejam, cedo ou tarde, passarão, e uma nova vida nos será concedida.

Por isso, nesta mensagem de reflexão sobre a Páscoa, lhe convido a pensar sobre as lições deste período, que já nos acompanham desde os mais remotos tempos, e que foram reafirmadas pela morte, crucificação e renascimento de Jesus: as lições de esperança para o futuro e de certeza dos recomeços que estão por vir, da renovação.

Mensagem de reflexão sobre a páscoa

Mensagem Páscoa

A mensagem da Páscoa deveria ser lembrada por nós a todo o momento. Pois afinal de contas, ela nos fortalece para seguir em nossos caminhos, e nos ensina também a importância da paciência.

Diversas vezes, não podemos controlar o que nos acontece. Por mais que lutemos, que façamos a nossa parte e trabalhemos para superar as adversidades, há inúmeros momentos em nossas vidas nos quais não há nada a fazer para realmente pôr fim aos sofrimentos, a não ser manter a fé e aguardar com esperança, pois seremos recompensados. A pandemia que está nos deixando é um bom exemplo.

Por isso, apesar de a Páscoa ser uma celebração muito significativa no nosso calendário, precisamos fazer de sua mensagem uma constante em nossas vidas. Vamos nos aprofundar um pouco mais no real significado desta celebração?

Como já mencionamos, em todo o mundo, ela revisita as festas que comemoram a primavera e sua fertilidade, trazendo vida nova às plantações, e às pessoas e animais que delas dependem. E para as pessoas que seguem a fé cristã, a Páscoa é especialmente importante. Na sua forma mais simples, a mensagem da Páscoa é de nova vida e esperança, conteúdo que se entremeia às promessas de fertilidade e renovação celebradas desde a antiguidade neste mesmo período do ano.

No cânone cristão, quando Jesus morreu, ocasião que rememoramos durante a Sexta-feira Santa, a esperança parecia perdida para seus seguidores. A Jesus foi prometido ser “a esperança de todo o mundo” (Mateus 12:21). No entanto, naquele momento ele foi pendurado em uma cruz e então enterrado em uma sepultura. Uma simbólica morte da esperança prometida.

Contudo, três dias depois, Jesus ressuscitou de sua sepultura, vencendo a própria morte. E com ele, renasceu a esperança. De forma similar, Deus quer nos apoiar em nossos momentos desafiadores e sem esperança e nos ajudar a reencontrar esta mesma esperança e crescer a partir dela.

Portanto, não deixe de encontrar felicidade em tudo o que vive. Mesmo naquilo que há de mais pesado para você. Mesmo nas situações e nos momentos mais desafiadores. Há algo que neste momento lhe deixe triste? Ou lhe traz raiva? Algo que lhe suscite sentimentos de depressão e desespero? Seja isso o que for, ainda que você mesmo nem sequer saiba exatamente o que é, isso pode, por fim, se mostrar uma das maiores fontes e esperança e renovação em sua vida.

Este é, de fato, o real significado da Páscoa, e a razão pela qual não devemos deixar de celebrá-la! Afinal, se a crucificação do Filho de Deus, na Sexta-feira Santa, foi necessária para que pudesse acontecer o milagre da ressurreição e o ressurgimento da esperança, então devemos sempre nos lembrar de que nossos sofrimentos podem ser apenas o primeiro passo rumo à transformação que nos espera em nossas vidas.

Pense sobre isso e se permita renovar as esperanças! A Páscoa nos relembra que nada pode nos separar da alegria que Deus deseja nos conceder. Nada pode roubar essa alegria, nem mesmo os sentimentos e acontecimentos mais devastadores.

Claro, muitas vezes precisaremos lutar, assim como Jesus precisou, mas a grande lição de que devemos nos lembrar é que, ao fim, a esperança reinará, e a alegria será, então, restituída em nossas vidas. Devemos ter perseverança e acreditar que nosso caminho trará tudo o que precisamos, pois afinal, Jesus perseverou e, mesmo após a maior das provações, ressuscitou vitorioso. E isso é a Páscoa!

Saiba que Deus deseja que você sinta a alegria da Páscoa, não só neste período, mas ao longo de toda a sua vida. Deixe que a esperança da ressurreição faça parte de você e guie os seus caminhos

Mensagem de Sexta-feira Santa

Mas e por que a Sexta-feira Santa seria boa, se ela marca a morte de Jesus? Pois Jesus garantiu a salvação e a liberdade da humanidade justamente pela sua própria morte. Essa salvação não é simplesmente algo a que temos direito. Ela é um presente gratuito, oferecido com amor a todos aqueles que optarem por simplesmente aceitá-lo, de coração aberto.

Devemos lembrar que Jesus não foi crucificado sozinho, mas junto com dois criminosos. Sua interação com um deles retrata de forma bela e simples como ele oferece livremente o dom da salvação.

O criminoso diz para Jesus: “Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu reino”. E a ele, Jesus responde: “Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso” (Lucas 23:42-43).

Tal pedido do condenado mostra sua crença de que Jesus era o salvador que poderia resgatá-lo. Ele chega a Jesus com uma fé de enorme simplicidade. Este homem não teve tempo ou oportunidade para reparar ainda em vida seus erros. No entanto, Jesus lhe responde, cheio de graça, oferecendo a promessa de uma eternidade no paraíso.

E esta mesma oferta existe para todos nós – na Páscoa e sempre. Assim como a fertilidade trazida pela estação traz o renascimento da esperança, para todo um ano.

A razão pela qual Jesus era naquele momento, e permanece sendo agora, apto a nos oferecer salvação e plenitude, por meio da promessa de vida eterna e perdão dos pecados a todas as pessoas, é simplesmente por ele ter morrido em nossos lugares. Ele, honrosa e corajosamente, deu a sua própria vida no lugar da nossa.

Assim, ali, em seu martírio na cruz, ele tomou sobre si os pecados de toda a humanidade, inclusive de seus algozes e, em troca, nos oferece sua justiça. Nos coloca em posição de correção perante a Deus e possibilita a realização espiritual e humana que advém da possibilidade de viver em relacionamento pessoal com Deus vivo.

E por esta razão, a Sexta-feira Santa deve ser lembrada e celebrada. Representa a morte que dá espaço para o renascimento. A seca que é então seguida pela produtividade.

Reflexão sobre a Páscoa, dia…

… De renascimento e esperança. Pois a promessa do Domingo de Páscoa é uma nova vida.

E não é apenas essa a notícia boa que chega com o dia da Páscoa. Pois a páscoa não termina após a sexta-feira, com a crucificação e morte de Jesus. A mágoa de seu sacrifício dá alegremente o lugar à esperança quando Jesus ressuscitou no domingo.

Como vimos nos últimos tempos, a paisagem do nosso planeta é uma incrível imagem da promessa pascal de Deus. Da devastação, dos troncos queimados e da terra seca, infértil, morta, uma nova vida é capaz de brotar, vicejante, no mato e no pasto, dando lugar então ao alimento, ao renascimento, à esperança.

E isso é mais um espelho, mais um reflexo que nos lembra da resiliência que Deus incorporou no espírito humano. Mesmo quando há mágoa, tristeza e sofrimento, há sempre a esperança de renovação e crescimento. A esperança é a última que morre, como diz a fala popular.

Seja no amor, na religião, no trabalho, nas nossas batalhas pessoais… Nossa paisagem interna e externa representa a promessa que temos de que, mesmo em nossos momentos mais difíceis ou devastadores, ainda há esperança, pois há um bom plano à nossa espera.

E é justamente esta esperança inerente ao espírito humano que o dia da Páscoa representa. A Páscoa, dia de relembrar nossas vitórias e renascimentos pessoais e espirituais. De lembrar que Jesus morreu por nós, para nos salvar e que, portanto, tempos melhores sempre virão, não importa o quão difícil o agora pareça ser.

Pois Jesus morreu e foi colocado em seguida em um túmulo. De modo que, para o mundo exterior, para seus seguidores, parecia o fim completo da esperança. Sua família, seus amigos e todos os que testemunharam a morte de Jesus, “voltaram para casa com profunda tristeza” (Lucas 23:48).

Mas enquanto a desesperança assolava os corações, Deus estava trabalhando. E a ressurreição de Jesus no terceiro dia, dia em que celebramos então a Páscoa, é uma evidência disso. Do labor divino em prol de nos oferecer renascimento, esperança e a certeza de que o melhor está por vir. Pois sempre está.

E foi desta maneira que Jesus voltou então à vida e nos oferece agora uma nova vida em sua presença. Pois mesmo quando não somos capazes de enxergar o que está acontecendo sob a superfície de tempos desafiadores e repletos de mágoa, podemos ter esperança de que coisas boas ainda estão a caminho, e irão nos encontrar.

Cabe destacar nesta mensagem de reflexão sobre a Páscoa, que as promessas de Deus são para todos e qualquer um. Por isso, Ele promete elaborar um bom plano para você. Ele oferece de coração aberto a plenitude, a salvação e a esperança. Ninguém nunca está ausente do amor de Deus e da nova vida que nos foi concedida através dos martírios de Jesus.

Assim, mesmo que você não veja agora a saída que procura, saiba que a esperança que você ainda assim sente, não é em vão. Ela está aí, pois lhe foi concedida, como a certeza de que este não é o fim, e de que há um plano, com algo grandioso à sua espera.

Jesus nos disse: “Eu sou a ressurreição e a vida. Todo aquele que crê em mim viverá, mesmo depois de morto” (João 11:25). E com isso, trouxe para nós esta inabalável esperança, que há de ser recompensada.

Aproveite esta mensagem de reflexão sobre a Páscoa para mergulhar em seus próprios desafios, e recuperar a certeza de que há sim esperança. Especialmente se agora você está passando por alguma grande provação, se tem à sua frente um obstáculo que parece simplesmente insuperável, pense em quantas vezes na sua vida você já não se viu em uma situação que parecia desoladora e irreversível.

E quantas vezes estes sofrimentos não foram os responsáveis por criar um terreno fértil onde você pudesse renascer, florescer e recuperar as alegrias.

Tenha sempre esperança! Ao fim dos momentos difíceis, dos sofrimentos e da agonia, algo de belo, fértil e alegre lhe espera. Uma vida totalmente nova.

Veja também esse artigo com mensagens especiais de casamento!

Sair da versão mobile