Ícone do site Guia Casar Bem

Tudo o que você precisa saber sobre as alianças de casamento

alianças de casamento

Então, você e sua alma gêmea estão pensando em uma praia ou outro lugar paradisíaco para marcar o dia mais importante do seu relacionamento, como se casar em Ilhabela, por exemplo? Esta e outras praias do litoral de São Paulo sem dúvidas são excelentes escolhas para criar uma atmosfera de encanto e romance no grande dia.

Mas há também outros detalhes que merecem toda a sua atenção. Como por exemplo, as alianças de casamento. São elas que selam a sua união, e que vão acompanhar sua história como casal, desde o início e ao longo de toda a sua vida.

Por isso, é muito importante dedicar um tempo para refletir sobre este detalhe, não é mesmo? Se você quer saber mais sobre as alianças e como escolher a ideal para vocês, continue comigo nesta leitura!

A simbologia por trás das alianças de casamento

As alianças de casamento são um dos mais lindos símbolos do matrimônio. Que tal nos aprofundarmos um pouco mais em sua simbologia para entender a importância delas?

A palavra aliança vem do latim e significa ligação. Por isso, os anéis usados para selar o casamento não são simples joias ou ornamentos. Eles representam a ligação entre o casal, o pacto de permanecerem juntos ao longo de toda uma vida, nas alegrias e nas tristezas.

Sua história remonta à cultura egípcia, onde havia o costume de usar anéis para representar o amor. E embora no Egito Antigo estes anéis não fossem feitos de materiais nobres como o ouro ou diamante, há uma característica muito especial sobre eles. Essa característica nos acompanha até os dias de hoje: eram usados no quarto dedo, que atualmente chamamos de anelar.

Há uma razão muito simples e terna para isso. No quarto dedo, Há o mito de que passa uma importante veia, que se conecta diretamente ao coração. Por isso, as alianças de casamento criam uma ligação direta com o coração.

Assim, elas além de representarem a união do casal (e também de suas famílias), ainda têm um forte significado romântico, conectando os noivos pelo coração.

Aliança de Tungstênio para casamento

Como escolher as alianças de casamento certas para vocês

Escolher as alianças é uma das etapas mais divertidas e esperadas dos preparativos para o casamento. Mas é importante não se deixar levar pela empolgação. Nesta hora, é necessário ter em mente o estilo e a personalidade do casal.

Afinal de contas, elas irão lhes acompanhar por toda a sua vida! Além disso, por simbolizarem a sua união, devem também ser capazes de representar vocês dois. Por isso, o mais recomendado é ter cautela com os modismos e refletir sobre o modelo que mais os inspira. É importante que reflitam seus gostos verdadeiros.

São muitas opções de materiais, formatos, gravações e até mesmo gemas para incluir nas alianças. Por isso, pensar em cada detalhe é indispensável.

Esta também é uma das partes do casamento em que vale mais a pena investir. Optar por alianças de boa qualidade, com acabamento bonito e personalidade que agrade aos dois garante muitos anos de satisfação com a compra.

Quando comprar as alianças do casamento?

Não existe uma regra. No entanto, o indispensável é que esta aquisição seja feita com antecedência. Assim, é possível fazer os ajustes necessários e estar com tudo pronto para o grande dia.

É importante lembrar que antes da compra efetiva vocês podem querer pesquisar e ver o que há disponível no mercado. Desta forma, é comum que muitos casais comecem a procurar pelas suas alianças cerca de 5 a 4 meses antes do casamento. Para que, assim, possam fazer a compra com pelo menos 3 a 2 meses de antecedência à cerimônia.

Noivos trocam alianças de casamento durante a cerimônia

Modelos de alianças para casamento

Veja a seguir alguns dos modelos mais procurados de alianças de casamento para representar sua união!

1. Aliança clássica de ouro amarelo

O modelo mais tradicional é também o mais democrático. As tradicionais alianças de ouro podem ser encontradas em diferentes espessuras e estilos, e com elas não tem erro. São simples, mas representam os laços do casal de forma inconfundível.

2. Aliança de ouro branco ou rosé

Uma opção para quem quer sair um pouco do comum, existem as alianças em variedades diferentes de ouro, como o branco ou o rosé. Elas ajudam a dar mais personalidade à escolha, mas sem pesar muito no bolso e sem alterar demais o visual das alianças mais clássicas.

3. Alianças cravejadas

As alianças cravejadas de pedras preciosas são uma boa opção para quem quer uma joia mais sofisticada. Pequenos brilhantes podem enfeitar a peça, ou mesmo um diamante solitário.

Embora sejam um pouco mais caras, este tipo de aliança tende a se tornar um verdadeiro patrimônio da família. Elas marcam a união por décadas além de sua vida. Mais romântico que isso não dá para ficar!

Sair da versão mobile